Ciganos

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Elemento Fogo





Os Ciganos acreditam que o FOGO queima a negatividade e ilumina a positividade. A vela, para eles concentra as energias dos quatro elementos. A água e a terra são representadas pela cera e o pavio. O fogo é a chama e o Ar (oxigênio) a mantém viva (acesa). Esses elementos são divididos em ativos e passivos, sendo o fogo e o ar elementos ativos e água e terra elementos passivos.

O fogo é um elemento poderosíssimo dentro da cultura cigana e grande poder energético e habilidosamente rápido para estancar influências negativas. O fogo é responsável pelo processo de limpeza rápida dentro do culto. O grande poder do fogo é indicado em vários rituais de limpeza e é por isso que para os ciganos é fundamental a presença do seu calor ou das suas chamas em ritos ou em suas comemorações devido ao seu alto poder de purificar, contudo é ao mesmo tempo extremamente perigoso não sendo manuseados por pessoas que não tenham preparo ritualístico dentro do culto cigano. 

O ritual do fogo ou fogueira cigana é uma função de iniciados, onde as mulheres dançam a sua volta reverenciando e invocando seus ancestrais, pedindo esperança, confiança, vida longa, enfim que os maus espíritos não consigam se aproximar. Ao fazerem movimentos com suas danças, as mulheres movem o ar que abanam as chamas do fogo alimentando-as e mantendo-as bem acesas, renovando assim todos os bons pedidos. 

Este é um ato apesar de litúrgico principal dentro da cultura cigana, o ritual da fogueira, o fogo é sempre reverenciado em rituais desde o nascimento ao casamento, desde o batismo ao falecimento. O ar sem o qual as chamas não se mantém vivas é o fogo energético.